quinta-feira, 2 de abril de 2020

SSP3-Forte tem Antivirais

Remédio natural trata a próstata e pode ajudar a aumentar imunidade contra vírus.


O nutriterápico "SSP3-Forte" também pode ajudar noutros benefícios, para além de tratar a próstata aumentada. SSP3-Forte tem na sua formula ZINCO e Selénio, ambos são nutrientes ANTI-VIRAIS que o sistema imunitário precisa. Juntamente com a Vitamina E e o Licopeno, potencializa os seu efeitos.



Mais informação:

Testes celulares ou in vitro descobriram que o zinco é útil na prevenção de toda uma série de vírus RNA, incluindo influenza e poliovírus.

De alguma forma, o zinco interfere na maneira como esses vírus processam suas poliproteínas, o que efetivamente os impede de causar danos.

Pesquisas anteriores publicadas no British Medical Journal (BMJ) também identificaram o zinco como uma poderosa arma contra a SARS (síndrome respiratória aguda grave), que também é um tipo de coronavírus.

De fato, o coronavírus Wuhan (COVID-19), também conhecido como víruschinês, é considerado SARS 2.0.

Neste estudo do BMJ, os íons de zinco forneceram um mecanismo natural de proteção contra esses vírus, principalmente impedindo sua fixação nas superfícies das células.
"Nos últimos 30 anos, os cientistas demonstraram o papel crítico do zinco em diversos processos fisiológicos, como crescimento e desenvolvimento, manutenção e preparação do sistema imunológico e reparo de tecidos", explica este artigo.

“Efeitos antivirais diretos de íons de zinco foram demonstrados contra rinovírus responsáveis ​​pelo resfriado comum e também demonstraram diminuir diretamente a incidência de infecções respiratórias em jovens crianças de países em desenvolvimento provavelmente por mecanismos que envolvem a restauração da imunidade de células T (linfócitos T)perdidas como resultado da deficiência desse mineral ”.
Em outras palavras, o zinco é uma necessidade importante do sistema imunológico e, por acaso, foi testado contra vírus, como o coronavírus, com um sucesso incrível.


Conseguir mais zinco na sua dieta é mais fácil do que você imagina.

Uma opção fácil para obter mais zinco em sua dieta normal é simplesmente complementá-lo. Mas a opção mais natural é consumir alimentos que já contêm grandes quantidades de zinco, incluindo os seguintes principais candidatos:

• Ostras
Diz-se que a ostra é a mais densa fonte conhecida de zinco natural, contém cerca de 16,6 miligramas (mg) desse mineral por 100 gramas (g) de carne de ostra. Fresca é a melhor, mas só puder encontrar em lata, você já  estará fazendo um favor ao seu corpo.

• Sementes de Cânhamo
Muito mais comuns e com alto teor de zinco são as sementes de cânhamo (cannabis sativa), que contêm cerca de 9,9 mg por 100 gramas de sementes.

• Sementes de Sésamo
A maioria das pessoas provavelmente consomem-nas apenas em bagels ou talvez na comida asiática. Mas as sementes de gergelim são um "superalimento" comumente esquecido que contém cerca de 7,8 mg de zinco por 100 g de sementes.

• Sementes de Abóbora
Crescendo em popularidade como um tratamento cetogênico, as sementes de abóbora são outra fonte sólida de zinco, chegando a ter cerca de7,64 mg de zinco por 100 g de sementes.

• Pó de Cacau (planta)
Não deve ser confundido com o cacau em pó (fruto e sementes), que também possui zinco, o cacau em pó é outro superalimento denso em zinco que também contém outros minerais que estimulam o sistema imunológico, como potássio, magnésio e manganês, além de uma variedade de antioxidantes. O pó de cacau contém algures no estado puro cerca de 6-7 mg de zinco por 100 g.

• Carne de gado criado no pasto.
Embora toda a carne bovina contenha zinco, a carne alimentada no pasto contém ainda mais, devido à maneira como os animais são criados e alimentados. A carne bovina regular contém 6,31 mg de zinco por 100 g, portanto você obterá pelo menos isso, se não conseguir comer carne de pasto.

Para acompanhar as últimas notícias sobre o coronavírus Wuhan (COVID-19), não deixe de conferir o Pandemic.news.


A Vitamina E
SSP3-forte contém Vitamina E. A vitamina E também é um antioxidante popular que está ligado à imunidade. Sabe-se que os glóbulos brancos contêm altas concentrações de vitamina E. Como componente vital do sistema imunológico, a vitamina E regula o número de células assassinas naturais que combatem patogenos (agentes infecciosos como bactérias, vírus, protozoários, fungos ou helmintos).
Além disso, a ingestão adequada de vitamina E está ligada a respostas imunológicas aprimoradas à infecção, força muscular melhorada e risco reduzido de doenças crônicas e degenerativas.
Para aproveitar os benefícios de saúde da vitamina E, aqui estão algumas fontes:
- Nozes,
- Amêndoas,
- Avelãs,
- Castanha de caju,
- Sementes de abóbora.


O Selénio
SSP3-Forte contém Selênio. Este mineral é um modulador nas respostas imunológicas, principalmente antivirais e anti-inflamatórias.
Participa na desintoxicação de certos compostos tóxicos, metais pesados ​​e xenobióticos (moléculas estranhas). 
Assim sendo, o Selênio ajuda o nosso organismo de várias maneiras.
Se o seu corpo está com pouco selênio, é mais provável que tenha uma gripe (que é causada sempre por vírus) mais grave.
Fontes:
-Castanha do Pará,
- Carnes,
- Ovos orgânicos,
- Atum,
- Marisco (frutos do mar),
- Bacalhau,
- Salmão,
- Sardinha,
- Cavala.
As necessidades exatas de selênio para s pessoas mais velhas, a partir dos 60 anos, são pouco conhecidas e os consumos dietéticos atualmente recomendados (DDR ou RDA) são para os adultos jovens.
Nos mais velhos, suspeita-se que uma dieta pobre em Selénio represente risco de anemia. Portanto, é muito importante que as pessoas mais velhas tenham uma dieta suficientemente alta em Selénio.


O Licopeno
É o pigmento responsável pela cor vermelha que caracteriza o tomate e todos os frutos vermelhos.
Este fitonutriente é um carotenóide e é um poderoso antioxidante e, em conjunto com o Zinco e o Selênio, ajuda a aumentar resistência antiviral destes dois minerais.
Aliás, as propriedades do licopeno são mais poderosas que as do betacaroteno.
Como antioxidante, o licopeno possui capacidades para neutralizar os radicais livres que atacam as células saudáveis do organismo, fortalecendo as células ajudando assim a prevenir a ocorrência de doenças degenerativas como os carcinomas, doenças cardiovasculares e outras.
Segundo o resultado de estudos, verificou-se que este fitonutriente é eficaz na prevenção do carcinoma da próstata, diminuindo cerca de 45% a probabilidade de sofrer desta doença entre os homens que consomem regularmente tomate ou produtos à base de tomate.
Também, e de acordo com outros estudos, a ingestão de tomate pode ajudar na prevenção de outros tipos de doenças cancerosas como a do pulmão e do estômago.
Fontes: tomate e todos os frutos com pigmento vermelho, como os morangos, as cerejas, as framboesas, as melancias, as amoras, as romãs, entre outros




Palavras-Chave, Unitermos: antiviral, anti-virais, Virus chinês, coronavirus, covid-19,  infecção, minerais, novo coronavirus, pandemia, prevenção, virus, Wuhan coronavirus,zinc, Selenio, Vitamina E, Licopeno

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Saiba o que os utilizadores dizem do SSP3-Forte, publicado na Internet, clique neste link:
http://problemasnaprostata.blogspot.pt/2013/10/faq-perguntas-e-comentarios-frequentes.html

- Veja os Inquéritos Clínicos aos próprios utilizadores, aqui neste link:
http://problemasnaprostata.blogspot.pt/2015/02/inqueritos-testemunhos-ssp3-forte.html

- Estudo Clínico controlado, randomizado e de longa duração, sobre a eficácia do SSP3-Forte:
http://problemasnaprostata.blogspot.pt/2016/03/estudos-de-eficacia-do-ssp3-forte-no.html