quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Tratar a próstata aumentada sem operar.


Boletim Informativo sobre a Saúde Masculina




JÁ PODE EVITAR CIRURGIA À PRÓSTATA 
(normalizar o PSA e manter a sua próstata saudável com o peso certo)


Quando se escreve sobre saúde, é costume referir a taxa de incidência das doenças na sociedade, as estatísticas, quer em número de pacientes num determinado universo, quer na percentagem da população atingida.
Este é um caso especial de saúde sexual e reprodutiva, porque a hiperplasia benigna da próstata (HBP ou HPB) é um problema que tem alta incidência nos homens:

- O aumento da próstata (HPB ou HBP) atinge praticamente quase TODOS os homens, mais cedo ou mais tarde, a partir dos 40 anos. É apenas uma questão de tempo. E se toma medicação para a hipertensão, diabetes, colesterol, alergias e outros, o aumento da próstata é ainda mais provável de acontecer com maior rapidez.

Eis as estatísticas de homens que virão a ter a sua próstata aumentada:
- Dos 40 aos 50 anos, cerca de 40%.
- Dos 50 aos 60 anos, cerca de 50%.
- A partir dos 60 anos de idade, a incidência é de 65% na população masculina.
- Entre os 70 e os 80, sobe para 80%, entre os 80 e os 90 para 90%.

Trata-se, portanto, de um problema muito comum que se pode tornar grave. É um problema masculino, degenerativo e crónico.

Há que lidar com o aumento da próstata (Hipertrofia ou Hiperplasia Prostática Benigna) da melhor maneira, porque faz perder a qualidade de vida, podendo tornar o homem impotente e incontinente (ter de usar fraldas, já pensou?) o que lhe tira e a hipótese de uma vida feliz.

Até hoje, todas as soluções implicavam cirurgia, sofrimento, mudança radical de hábitos, drogas medicamentosas caras para o resto da vida, com efeitos secundários bastante adversos para o homem,incluindo a perda da capacidade sexual.

Tudo isto pode ser  evitado com o remédio natural SSP3-FORTE, que  foi introduzido no mercado há mais de 20 anos. SSP3-FORTE é uma formula NATURAL que supre as necessidades nutricionais da próstata ajudando a reduzir paulatinamente o seu aumento, sem cirurgia, sem químicos (fármacos), sem dor, sem efeitos adversos, sem internamento hospitalar.

O SSP3-Forte começou a ser vendido no início de 1995 e todos os homens até agora tratados e que não se importaram de participar no Teste Clinico Randomizado, demonstraram uma taxa de sucesso superior a 90%. Isto é um valor que comprova bem a sua eficácia do SSP3-FORTE no tratamento para a próstata.

Dos muitos utilizadores do SSP3-FORTE, foram selecionados e contatados 230 pacientes, que tomam o SSP3-FORTE regularmente, para responderem ao questionário do estudo randomizado.
  
O QUE É O AUMENTO DA PRÓSTATA (HBP ou HPB)
Com o avançar da idade, a próstata "incha", aumenta de volume. Trata-se de uma proliferação adenomatosa, não maligna, que pode obstruir as vias urinárias inferiores. É o tumor benigno mais comum no homem.
Esta patologia pode começar a aparecer depois dos 40, mas normalmente isso só sucede por volta dos 60 ou mais; a partir daí, a incidência aumenta muito com o passar dos anos e acaba por ser inevitável a partir de uma idade avançada.



SINTOMAS
Os sintomas mais comuns são a dificuldade em urinar, fazê-lo normalmente em pequenas quantidades e com uma vontade frequente, que muitas vezes leva os homens a levantar-se várias vezes durante a noite para ir urinar. O jacto pode ser fraco e intermitente ou mesmo causar dor. Fica-se com a sensação de que a bexiga continua cheia. Por vezes há também perda de sangue. Outros sintomas são ainda a impotência e/ou ereções fracas.
Estes sintomas podem ocorrer isoladamente ou em conjunto. Quando a situação se agrava, pode chegar-se à retenção urinária, que leva o paciente ao hospital para que lhe seja introduzida uma sonda pela uretra, para esvaziar a bexiga.

DIAGNÓSTICO
Faz-se através de exames médicos, que podem ir do toque retal à ecografia prostática (supra-púbica e endorrectal), análises laboratoriais incluindo Urina II, Glicemia, Colesterol, Triglicerídeos (ouTriglicéridos), Hemograma, V.S., Creatinina e Ureia, exame PSA (dosagem do antígenio prostático específico), para determinação de existência ou não de neoplasia.  

MEDICAÇÃO CONVENCIONAL – Fármacos (drogas medicamentosas)
É a primeira fase de abordagem ao problema, quando não é ainda muito grave. Usam-se medicamentos, que por norma reduzem a potência sexual em mais de metade dos casos. São eles os antagonistasalfa1 (doxazosina, alfasusina e tamsulosina) e os inibidores da 5 alfareductase (finasteride e dutasteride). Com o evoluir da patologia, avança-se para uma das várias soluções cirúrgicas que existem, que também podem ter consequências prejudiciais, tais como a impotência e a incontinência.

CIRURGIA
A mais comum é a "prostatectomia a céu aberto", ou seja, a extracção cirúrgica da próstata. Existe também a "ressecção transuretral da próstata" (TURP ou RTUP), em que todo o procedimento é realizado pela uretra.
Outros métodos incluem cirurgia a laser, termoterapia, eletrovaporização, etc., mas com resultados que não se comparam aos das cirurgias clássicas.
As intervenções cirúrgicas estão frequentemente associadas a hemorragia, com necessidade de transfusão sanguínea.
A TURP está sempre associada à ejaculação retrógrada (o esperma vai para a bexiga) e a cirurgia clássica provoca igualmente e ejaculação retrógrada e impotência sexual numa grande percentagem dos pacientes. Os números "oficiais" apontam para índices de impotência entre os 50 e os 60%%, mas numa conferência recente nos Estados Unidos, foi abordado por vários médicos americanos que garantiram que os "números oficiais" eram falsos e que a impotência resultante da cirurgia podia chegar 100%.

NÃO FAZER NADA, é o pior que pode fazer
Quando não tratada, a próstata aumentada pode levar a graves complicações: impotência sexual, dificuldades na erecção, cálculos na bexiga, infecções urinárias, insuficiência renal e retenção urinária, que obriga ao uso de algália.
Resolver o problema é sempre inevitável.
  
A  alternativa comprovada para evitar tudo isto: O remédio natural SSP3-FORTE

SSP3-FORTE - Trata-sede uma formula nutricional, natural e sinergética que recompõe e dá suporte ao bom funcionamento e bem-estar da próstata. Tendo em conta que a HBP é um problema degenerativo crónico causado por um desequilíbrio nutricional, desequilíbrio este que dá origem a uma série de consequências metabólicas que acabam por originar o aumento da próstata, o SSP3-FORTE vem suprir essa deficiências no corpo do homem.
Muitas vezes estas deficiências são, também, causadas por fármacos que o paciente toma há algum tempo. Por exemplo, todas as drogas medicamentosas para a hipertensão, os diuréticos, os calmantes e os anti-histamínicos, para apenas mencionar alguns dos mais comuns.

O SSP3-FORTE é um suplemento alimentar (no mercado há mais de 10 anos), só contém ingredientes naturais na sua fórmula, com a garantia de ser fabricado na Europa em laboratório certificado com o ISO 9001.
O SSP3-FORTE, tomado regularmente, ajuda a manter os níveis normais do PSA e têm-se revelado muito eficaz no combate á HBP

RESULTADOS  
Os resultados começam a sentir-se a partir dos 90 dias seguidos de toma do SSP3-FORTE. Devido a HBP ser um problema crónico e degenerativo, aconselha-se que se deve manter a toma para evitar que os sintomas voltem  a aparecer. Assim, o alivio aos problemas crónicos da próstata tenderá a ser permanente.

Os pacientes tratados com o SSP3-FORTE afirmam uma melhoria da qualidade de vida e do bem-estar, mais otimismo, melhor disposição para as atividades pessoais e profissionais e mais energia. Testemunham ter passado a dormir com maior tranquilidade e alguns referem uma melhoria muito clara de potência e no desempenho sexual..
Se lhe foi diagnosticado  HBP, ou seja, a próstata aumentada, tomar SSP3-Forte é o melhor que pode fazer para evitar os problemas que descrevemos!

A QUEM SE DESTINA
Destina-se a todos os homens com os sintomas clássicos (como o PSA Total alto) da HBP  e que procuram um tratamento não evasivo (sem cirurgia) que possa ajudar a reduzir  tamanho da próstata, de um modo natural e eficaz.
Por se tratar de um produto natural, os resultados vêm sendo avaliados periodicamente, revelando uma eficácia na ordem dos 90%
O SSP3-FORTE constitui, ainda, uma alternativa de tratamento para quem, por motivos religiosos (como é o caso das testemunhas de Jeová), não queira ser submetido à cirurgia ou a transfusões sanguíneas.

SSP3-FORTE é uma abordagem alternativa, eficaz, segura e possível,  ao problema dos homens com diagnóstico de Hiperplasia Benigna da Próstata. Em caso de dúvidas, consulte o seu médico.

A QUEM NÃO SE DESTINA
Doentes já com diagnóstico de neoplasia prostática (doença cancerosa da próstata).



P. Reynolds
Medicina Nutricional Terapêutica



Para saber mais sobre o SSP3-Forte, está tudo publicado na Internet neste link:
http://problemasnaprostata.blogspot.pt/2013/04/ssp3-forte-bula.html 


Para poder comprar, saber preços e descontos do SSP3-forte, visite o site internacional www.ssp3forte.com ou, se mora no Brasil no site  http://www.prostata-saudavel.com/ ou ainda, fazendo o pedido diretamente ao representante para o email leptix@gmail.com (email dos clientes que falam a Língua Portuguesa).